Edição 217 | 30 Abril 2007

Conversas sobre o mundo do trabalho

close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

IHU Online

Conversas - O mundo do trabalho e a vida dos/das trabalhadores/as. Trabalhadores/as e diversidade no Vale dos Sinos. Que fazer?

Um dia após o feriado de 1ª de Maio, Dia Mundial do Trabalho, o Instituto Humanitas Unisinos – IHU - promove o evento Conversas - O mundo do trabalho e a vida dos/das trabalhadores/as. Trabalhadores/as e diversidade no Vale dos Sinos. Que fazer? A atividade inicia às 19h30min do dia 2 de maio, na sala 1G119 do IHU. São convidados especiais Mariluci de Vargas Saraiva, presidente do Conselho Municipal de Defesa dos Direitos das Pessoas com Deficiência e diretora da Escola Estadual Especial Aracy de Paula Hofmann, de São Leopoldo; Clarita Maraschin Coutinho, delegada-presidente do Sindicato dos Eletricitários de São Leopoldo e presidente da Comissão Municipal de Emprego de São Leopoldo; e Jó Daniel Moraes, massoterapeuta e professor de História em Campo Bom.

Segundo a coordenadora do evento, a professora Marilene Maia, “as motivações para a criação deste novo espaço de diálogo promovido pelo IHU vêm da importância de melhor conhecer, analisar e intervir na realidade do trabalho do Vale dos Sinos, a partir da participação dos/das trabalhadores/as”. Marilene conta que o IHU tem acesso a inúmeros indicadores desta realidade. No entanto, explica, “entendemos que esses dados por si não revelam o conjunto dos sentidos e significados do trabalho experimentados pelos/pelas trabalhadores/as. Assim, entendemos fundamental a criação de um espaço no qual trabalhadores coloquem-se analisando os indicadores da realidade disponibilizados por diferentes agências e, ao mesmo tempo, a partir da reflexão oportunizada, apontem perspectivas para o mundo do trabalho e suas vidas na região”.

O objetivo do evento é oportunizar o diálogo sobre a realidade do mundo do trabalho e da vida dos/as trabalhadores/as do Vale dos Sinos, em vista de melhor conhecer, analisar e intervir neste cenário. As conversas são mensais e desenvolvidas por temas geradores do diálogo, desencadeado pela participação de convidados/as trabalhadores/as, que apontarão uma análise dos indicadores da realidade a partir das suas vivências. Ao final de cada conversa serão apontadas propostas, que no fim do ano deverão compor uma agenda afirmativa do trabalho para a região. Os participantes são trabalhadores/as da região, pesquisadores e estudantes, gestores governamentais, empresariais e da sociedade civil.

O próximo encontro será no dia 5 de junho, quando se debaterá sobre a realidade do trabalho informal no Vale do Rio dos Sinos. Mais informações podem ser encontradas no site www.unisinos.br/ihu

Últimas edições

  • Edição 546

    Diálogo interconvicções. A multiplicidade no pano da vida

    Ver edição
  • Edição 545

    Cultura Pop. Na dobra do óbvio, a emergência de um mundo complexo

    Ver edição
  • Edição 544

    Revolução 4.0. Novas fronteiras para a vida e a educação

    Ver edição