Edição 217 | 30 Abril 2007

Frases da Semana

close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

IHU Online

Síntese das frases publicadas diariamente nas Notícias do Dia no site do IHU

Embolsou
“Lula embolsou (no bom sentido...) o PMDB, tocou o coração mole de ACM, perdoou os mensaleiros da direita, calou as críticas da esquerda e só pensa no PSDB. Aécio pra lá, Serra pra cá, Tasso Jereissatti patriótica e civilizadamente no Planalto. Só o PFL, digo, o Democratas fica de fora. E só uma parte dele, a comandada na prática pelo duro-na-queda Bornhausen. Mas até isso convém a Lula"  - Eliane Cantanhêde, jornalista – Folha de S. Paulo, 24-04-2007.

“Volta à tona a versão de que Serra acredita piamente na possibilidade de Lula vir a apoiar a sua candidatura à Presidência em 2010, já que ele é o que há de melhor na ‘esquerda moderna’ e Lula não tem nomes para a própria sucessão, nem no PT nem nos aliados. É ver para crer” - Eliane Cantanhêde, jornalista – Folha de S. Paulo,24-04-2007.

 “Do cortês encontro de Fernando Collor com o presidente Lula à nebulosa visita do tucano Tasso Jereissati ao Palácio do Planalto, um vasto processo de readaptação política parece estar em curso” – editorial do jornal Folha de S. Paulo, 29-04-2007.

DEM
“Dos 20 partidos representados no Congresso, os dois únicos que têm queixas ou falam mal do presidente Lula são o PT e o PFL, agora chamado DEM” - editorial do jornal O Estado de S. Paulo, 25-04-2007.

“É indispensável proceder como uma cão macho, que aparta claramente seu território e cuida dele” -  Onyx Lorenzoni (RS), líder do DEM na Câmara – O Estado de S. Paulo, 24-04-2007.

PSDB
“Fica difícil afinar a viola da oposição quando não se tem foco” - Sérgio Guerra, senador pelo PSDB-PE – O Estado de S. Paulo, 24-04-2007.

"O Mário Covas fazia mais oposição ao Fernando Henrique do que o Serra faz ao Lula"- Zuaiê Cobra, ex -deputada federal que ontem anunciou sua desfiliação do PSDB sob a alegação de que discorda dos gestos de aproximação entre tucanos e petistas – Folha de S. Paulo, 25-04-2007.

“A visita do presidente do partido, Tasso Jereissati, a Lula. A impressão é que viraram tapete para Lula pisar quando sai do Planalto. Isso não é oposição. A disputa entre Aécio e Serra, com vistas à eleição de 2010” – Zulaiê Cobra, ex-deputada federal, ao explicar as causas da sua saída do PSDB – O Estado de S. Paulo, 26-04-2007.

“Os dois maiores representantes do PSDB em governos estaduais jogam hoje junto com Lula. Essas duas maiores vozes são hoje extensão do governo Lula”  – Zulaiê Cobra, ex-deputada federal, ao explicar as causas da sua saída do PSDB – O Estado de S. Paulo, 26-04-2007.

“Onyx disse que PSDB mais PT é igual ao demônio. Assim não dá” - Júlio Redecker,(PSDB-RS), líder da minoria – O Estado de S. Paulo, 25-04-2007.

“Tenho tentado dizer aos dois (Serra e Aécio): ou vamos juntos ou vamos perder. Cabe agora à direção do partido impor um rumo” – Fernando Henrique Cardoso, ex-presidente da República, PSDB – O Estado de S. Paulo, 26-04-2007.

“O povo está olhando para nós e dizendo: o que vocês são, peixe ou carne de vaca?" – Fernando Henrique Cardoso, ex-presidente da República pelo PSDB, criticando o diálogo do seu partido com Lula – Folha de S. Paulo, 27-04-2007.

“Tasso Jereissati está no centro de uma articulação inusitada para a sucessão de 2010: uma chapa que une Aécio Neves (para a Presidência) e Ciro Gomes (para vice). Uma dobradinha pela esquerda. Beleza. Difícil mesmo vai ser convencer José Serra e FHC a apoiar Ciro para qualquer coisa” – coluna ‘Radar’ da revista Veja, 2-5-2007.


PT
"O Lula reúne os deputados, dá pito, faz a turma pagar a comida e ainda assim sai todo mundo feliz" - Jilmar Tatto do PT- SP, após jantar de petistas com Lula – Folha de S. Paulo, 26-04-2007.

“O PT, obviamente, perdeu um espaço enorme. Era o grande partido no primeiro mandato e agora divide esse protagonismo com o PMDB” - Fernanda Machiavelli, cientista política – O Estado de S. Paulo, 29-04-2007.


Bingos
“Fechar os bingos fere o Estatuto do Idoso” - José Simão, humorista – Folha de S. Paulo, 24-04-2007.

“É como disse o outro: ‘E agora, onde enfio a minha sogra, com todo o respeito?!’. A Polícia Federal não pensou nos genros!” - José Simão, humorista – Folha de S. Paulo, 24-04-2007.


Fidel e Sperotto
“Fidel Castro, vejam só, encontrou um inesperado aliado no RS. Trata-se do presidente da Farsul, Carlos Sperotto. Como Fidel, Sperotto também não quer saber de etanol no Estado” - Políbio Braga on-line, 23-04-2007.


Civilização
“Nossa civilização está em crise. Aonde chegou, o bem-estar material não trouxe necessariamente o bem-estar mental, do que dão testemunho o consumo desenfreado de drogas, ansiolíticos, antidepressivos, soníferos. O desenvolvimento econômico [...] trouxe muito freqüentemente a degradação das solidariedades, a burocratização generalizada, a perda de iniciativa, o medo da responsabilidade" - Edgar Morin, sociólogo – Le Monde, 24-04-2007.


Kirchner
“A Igreja não me interessa” – Néstor Kirchner, presidente da Argentina, comentando a oposição que lhe faz o cardeal Bergoglio, arcebispo de Buenos Aires – Clarín, 29-04-2007.


Mangabeira
“Um dos homens mais inteligentes e impenetráveis que já conheci” – Dani Rodrik, economista de Harvard, falando do seu colega Roberto Mangabeira Unger, nomeado ministro do governo Lula – Folha de S. Paulo, 29-04-2007.

“Costumava brincar que precisei de três anos para entender o que ele dizia" - Dani Rodrik, economista de Harvard, falando do seu colega Roberto Mangabeira  Unger, nomeado ministro do governo Lula – Folha de S. Paulo, 29-04-2007.


Gretchen
“Gretchen filiou-se ao PPS, ex PCB, e já provocou um racha no partido. Parte dos comunistas defende a mudança do significado da sigla para PoPoSão. Os que estão contra a idéia argumentam que popozão é com ‘z’” – Tutty Vasques, humorista – no mínimo, 28-04-2007.

Últimas edições

  • Edição 546

    Diálogo interconvicções. A multiplicidade no pano da vida

    Ver edição
  • Edição 545

    Cultura Pop. Na dobra do óbvio, a emergência de um mundo complexo

    Ver edição
  • Edição 544

    Revolução 4.0. Novas fronteiras para a vida e a educação

    Ver edição