Edição 501 | 27 Março 2017

Destaques On-Line

close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

As entrevistas completas estão disponíveis na página do IHU

Ciclo hidrológico do Pantanal depende da conservação da Amazônia
“O Pantanal depende das chuvas da Amazônia, que trazem as águas e alimentam os rios e as cheias pantaneiras, e causam o pulso de inundação, serviço ecossistêmico de regulação dos processos ecológicos responsáveis pela produtividade do Pantanal”.

Carolina Joana da Silva é graduada em História Natural, professora na Universidade do Estado de Mato Grosso – Unemat.
**

Adotar o princípio de precaução é determinante para preservar o Pantanal
“O princípio de precaução, que é uma postura ética frente ao impacto sobre o meio ambiente, deve ser levado em conta. Se nada for feito, essas pequenas centrais hidrelétricas vão gerar muitos impactos”.

Pierre Girard é professor do Instituto de Biociências da Universidade Federal de Mato Grosso – UFMT.
**

Mercado Público de Porto Alegre deve ser privatizado?
“Precisamos de um estudo apontando as potencialidades e os pontos de estrangulamento relacionados com a comercialização, o atendimento ao público, a acessibilidade, entre outros, para então apresentar uma proposta de gestão do Mercado Público”.

Milton Cruz é pesquisador do Observatório das Metrópoles/Núcleo Porto Alegre.

**
O processo de renovação da esquerda é atravancado pela 'renovada' hegemonia do PT
“Como o resto da sociedade está fora da zona de influência da esquerda, e a vê como um agente corrompido, a esquerda fala de maneira desesperada e cada vez para menos pessoas, na medida em que ela só fala para seus próprios militantes”.

Pablo Ortellado é professor do curso de Gestão de Políticas Públicas da Universidade de São Paulo - USP

**

Os mercadores de sonho e a transposição do rio São Francisco

“Numa situação de total insegurança política e falta de candidatos sérios com propostas igualmente sérias, essa obra e essas ‘inaugurações’ se constituem em prato cheio para esses que sempre enganaram e continuam enganando o povo”.

Dom Luiz Flávio Cappio é o Bispo da Diocese de Barra, BA

Últimas edições

  • Edição 544

    Revolução 4.0. Novas fronteiras para a vida e a educação

    Ver edição
  • Edição 543

    Ontologias Anarquistas. Um pensamento para além do cânone

    Ver edição
  • Edição 542

    Vilém Flusser. A possibilidade de novos humanismos

    Ver edição