Edição 489 | 18 Julho 2016

Maria de Magdala. "Apóstola dos apóstolos"

close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

Redação

A recente iniciativa do Papa Francisco, de elevar a memória litúrgica de Maria Madalena, no dia 22 de julho, à festa, como dos Apóstolos, é profética. Segundo Lilia Sebastiani, teóloga italiana, a decisão “inscreve-se na teologia dos gestos, mais do que das inovações doutrinais, e será lembrada como dos aspectos mais significativos de seu pontificado" Segundo ela, isto "não somente é importante para a história do culto de uma santa, mas para o devir do anúncio Pascal”. Miriam de Magdala é o tema de capa desta semana da revista IHU On-Line.
Imagem da capa: Marko I. Rupnik, Madalena e o Ressuscitado. Detalhe do mosaico da igreja Os Santos Primo e Feliciano Em Vrhpolje, Eslovênia

Participam da edição Elizabeth Johnson, professora de Teologia na Fordham University, EUA, as teólogas italianas, Lilia Sebastiani e Antonietta Potente, Wilma Steagall De Tommaso, professora no Museu de Arte Sacra de São Paulo – MAS-SP, Salma Ferraz, professora da Universidade Federal de Santa Catarina – UFSC, Ivoni Richter Reimer, professora dos Programas de Pós-Graduação em Ciências da Religião e Mestrado em História Cultural na Pontifícia Universidade Católica de Goiás – PUC Goiás, Wanda Deifelt, coordenadora do departamento de Religião da Luther College, EUA, Chris Schenk, diretora-executiva da FutureChurch, organização norte-americana de renovação da Igreja que tem trabalhado para restaurar a consciência sobre a Santa Maria de Magdala como a  primeira testemunha da Ressurreição e uma respeitada líder da Igreja primitiva, Lucetta Scaraffia, jornalista, historiadora e professora da Universidade La Sapienza de Roma, Marcela Zapata-Meza, arqueóloga da Universidade Anáhuac do México e Katherine L. Jansen, professora do Departamento de História da Universidade Católica da América, em Washington.

Também debatem o tema de capa os teólogos Carlos Molari, teólogo italiano, Johan Konings, professor titular de teologia da Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia – Faje, Thomas Stegman, professor de Novo Testamento na Boston College e Régis Burnet doutor em Ciências Religiosas pela École Pratique des Hautes Études, Paris.

Os artigos de Gianfranco Ravasi, cardeal, presidente do Conselho Pontifício para a Cultura, Pontifícia Comissão de Arqueologia Sacra e do Conselho de Coordenação das Academias Pontifícias e de Elisabeth Schüssler Fiorenza, teóloga e biblista feminista, complementam a discussão sobre Maria de Magdala, contribuem no aprofundamento da visão sobre a grande 'apóstola dos apóstolos'.

Uma entrevista com Leandro Karnal, professor da Universidade Estadual de Campinas – Unicamp, e os artigos de Marcelo de Araujo, professor de Ética da Universidade do Estado do Rio de Janeiro – UERJ e de Filosofia do Direito da Universidade Federal do Rio de Janeiro – UFRJ, e de Carla A. R. Holand Mello, professora no curso de Relações Internacionais da Unisinos, completam a edição.

A todas e a todos uma boa leitura e uma excelente semana!

Últimas edições

  • Edição 531

    Etty Hillesum - O colorido do amor no cinza da Shoá

    Ver edição
  • Edição 530

    Missões jesuíticas. Mundos que se revelam e se transformam

    Ver edição
  • Edição 529

    Nietzsche. Da moral de rebanho à reconstrução genealógica do pensar

    Ver edição