Edição 477 | 16 Novembro 2015

Bioética e biopolítica na perspectiva hermenêutica: uma ética do cuidado da vida

close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

Redação

Cadernos IHU ideias, em sua 231ª edição, publica o artigo Bioética e biopolítica na perspectiva hermenêutica: uma ética do cuidado da vida, de Jesús Conill Sancho, Universidade de Valência - Espanha

Sobre a problemática entre o cuidado e a administração da vida, convém refletir, em primeiro lugar, sobre a perspectiva diretora do pensamento, que, na minha opinião, é a hermenêutica. Com efeito, ao longo do desenvolvimento do pensamento contemporâneo foi se introduzindo uma intensa transformação da filosofia, que teve dois impulsos preponderantes: o hermenêutico e o prático. E é nesse contexto que se deve entender a emergência da bioética e da biopolítica, que, por sua vez, constituem duas concreções da plasmação prática da filosofia.

 

A versão digital está disponível em http://bit.ly/1N2lGqv

 

Esta e outras edições dos Cadernos IHU ideias podem ser adquiridas diretamente no Instituto Humanitas Unisinos - IHU ou solicitadas pelo endereço Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo..

Últimas edições

  • Edição 546

    Diálogo interconvicções. A multiplicidade no pano da vida

    Ver edição
  • Edição 545

    Cultura Pop. Na dobra do óbvio, a emergência de um mundo complexo

    Ver edição
  • Edição 544

    Revolução 4.0. Novas fronteiras para a vida e a educação

    Ver edição