Edição 469 | 03 Agosto 2015

500 Anos da Reforma: Luteranismo e Cultura nas Américas

close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

Redação

Cadernos Teologia Pública, em sua 97ª edição, traz o artigo de Vítor Westhelle, professor de Teologia na Escola Superior de Teologia – EST e na Lutheran School of Theology at Chicago – LSTC.
500 Anos da Reforma: Luteranismo e Cultura nas Américas

A proposição do artigo é apresentar a maneira como Lutero é ou poderia ser em termos de importância para a América Latina. O trabalho é desenvolvido a partir de dois momentos. “Um é puramente sociodemográfico e está vinculado à expansão do protestantismo e particularmente do luteranismo; o outro é de caráter teológico, em que a teologia luterana de fato oferece opções para entender e operar em um continente dependente que busca sua autonomia e o direito de dizer sua própria palavra”, explica Westhelle. 

O primeiro assunto tratado dentro da perspectiva das mútuas relações entre a Europa e a América Latina refere-se aos elementos que vinculam a reforma protestante ao movimento da teologia da libertação. O professor ressalta que “estas teologias que se formaram em pontos diametralmente distantes do planeta tinham em comum inícios modestos, tentativos, assim como também vigorosos e polêmicos que nasceram de um clamor do povo ouvido por Deus”. 

Para debater essas relações, o autor retoma a Bíblia, a qual considera a principal catalisadora do discurso teológico. Westhelle ressalta que “a razão do apelo à Bíblia decorre do fato de que as escrituras marcam, na literatura ocidental, o momento em que classes subalternas (mulheres e homens nômades, migrantes, escravos, pescadores, carpinteiros, etc.) aparecem como protagonistas principais de uma literatura que adentrou o nível das grandes obras literárias. Não é de surpreender que estas vozes bíblicas ressoassem no consciente de grupos subalternos tanto na época da Reforma quanto na América Latina”.  

Esta e outras edições dos Cadernos Teologia Pública podem ser adquiridas diretamente no Instituto Humanitas Unisinos – IHU, solicitadas pelo endereço Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. e também suas versões digitais podem ser acessadas.

Últimas edições

  • Edição 546

    Diálogo interconvicções. A multiplicidade no pano da vida

    Ver edição
  • Edição 545

    Cultura Pop. Na dobra do óbvio, a emergência de um mundo complexo

    Ver edição
  • Edição 544

    Revolução 4.0. Novas fronteiras para a vida e a educação

    Ver edição