Edição 416 | 29 Abril 2013

Entrevistas em destaque

close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

Redação

A revista IHU On-Line traz nesta e nas próximas edições resumos das entrevistas especiais mais acessadas durante o recesso, entre janeiro e março de 2013. Os conteúdos estão disponíveis no sítio IHU On-Line (www.ihu.unisinos.br).

A multiplicação da internet nas favelas e a visibilidade social dos jovens

Entrevista com Jorge Luiz Barbosa

Confira nas Notícias do Dia de 22-02-2013

Acesse no link http://bit.ly/XtvpqW

Uma pesquisa realizada em cinco favelas do Rio Janeiro – Rocinha, Cidade de Deus, Manguinhos e os complexos do Alemão e da Penha – apontou que 90% dos jovens dessas comunidades acessam a internet de seus computadores pessoais. Para o levantamento, foram entrevistados dois mil jovens, e o estudo foi realizado em parceria pela Secretaria Estadual de Cultura juntamente com a ONG Observatório de Favelas. “Na rua o jovem de favela é apenas ‘um jovem da favela’, não é um cidadão. Não possui sua cidadania reconhecida, seu corpo abrigado e sua vida respeitada. Agora em seu Facebook ele se mostra, fala de si, identifica suas preferências, afirma seus gostos, enuncia seus conflitos, tudo isso porque não se sente só. Entra em contato com jovens parecidos com ele e diferentes dele”, destaca o professor e pesquisador Jorge Luiz Barbosa, em entrevista concedida à IHU On-Line por e-mail.

 

“O feminismo transformou o mundo”

Entrevista especial com Rose Marie Muraro

Confira nas notícias do dia de 07-03-2013

Acesse o link http://bit.ly/YQub8n

Aos 82 anos, depois de décadas dedicando-se ao estudo do feminismo, a escritora e física Rose Marie Muraro avalia que o movimento “mudou a consciência” do mundo, porque transformou as mulheres. “A mulher muda a consciência dos filhos e mudando a consciência dos filhos, ela muda a consciência das gerações. O homem não tem a mesma relação com a criança, ele se dedica mais às coisas práticas, enquanto a mulher se dedica mais às pessoas. Então, se você muda uma mulher, você muda o correr das gerações. Eu tenho a honra de ter ajudado, com a minha obra, a mudar a cabeça das gerações”, declara. Na entrevista concedida à IHU On-Line por telefone, em ocasião do Dia Internacional da Mulher, Rose Marie assinala que, após terem conquistado espaço em diversas áreas, as mulheres devem se inserir no debate econômico e repensar a economia.

Últimas edições

  • Edição 546

    Diálogo interconvicções. A multiplicidade no pano da vida

    Ver edição
  • Edição 545

    Cultura Pop. Na dobra do óbvio, a emergência de um mundo complexo

    Ver edição
  • Edição 544

    Revolução 4.0. Novas fronteiras para a vida e a educação

    Ver edição