Edição 342 | 06 Setembro 2010

Editorial

close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

Redação

A realização do 17º Colóquio Anual Direito e Natureza na primeira e na segunda escolástica, da Sociedade Internacional para Estudos da Filosofia Medieval (SIEPM), inspira a edição desta semana da IHU On-Line a debater essa importante corrente filosófica da Idade Média.

A realização do 17º Colóquio Anual Direito e Natureza na primeira e na segunda escolástica, da Sociedade Internacional para Estudos da Filosofia Medieval (SIEPM), inspira a edição desta semana da IHU On-Line a debater essa importante corrente filosófica da Idade Média.

Entrevistamos vários dos conferencistas do evento. Na opinião do filósofo João Madeira, da UFMS, existe uma relação entre alguns postulados da escolástica e os direitos humanos. Paula Oliveira e Silva, da Universidade do Porto, analisa as ligações entre o ius gentium, o direito das gentes, e a Segunda Escolástica. O conceito de domínio na escolástica espanhola é o tema de Jorge Alejandro Tellkamp, que leciona na Universidade Nacional Autônoma do México. Alessandro Ghisalberti, professor de História da Filosofia Medieval na Faculdade de Letras e Filosofia da  Universidade Católica del Sacro Cuore de Milão, examina a influência de Ockham na Segunda Escolástica, e percebe reflexos desse pensador na filosofia moral de Kant. Alfredo Culleton, professor do PPG em Filosofia da Unisinos e organizador do evento, menciona que a filosofia do jesuíta Francisco Suarez foi a base dos atuais direitos humanos. O filósofo Giuseppe Tosi, professor de filosofia na Universidade Federal da Paraíba, debate o legado de Bartolomeu de Las Casas, que considera o primeiro teólogo e filósofo da libertação. O professor da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), Alfredo Storck, fala sobre o ser humano repensado pela escolástica. Para Luís Alberto De Boni, os “velhos escolásticos” continuam presentes.

Também  contribuem na discussão do tema central desta edição os pesquisadores José Luís Herreros, Santiago Orrego, Ludger Honnefelder, Jacob Schmutz, professor de filosofia na Universidade Paris-Sorbonne (Paris-IV) e diretor dos estudos de filosofia e sociologia na nova Universidade Paris-Sorbonne Abu Dhabi, nos Emirados Árabes Unidos, a pesquisadora Jaqueline Hamesse, e o filósofo espanhol Angel Poncela González.

Passione! A indústria da telenovela no balizamento entre o merchandising social e o comercial é o título do artigo de Jacqueline Lima Dourado, professora da Universidade Federal do Piauí (UFPI) e líder do líder do Grupo de Pesquisas COMUM.

Uma entrevista com Bruna Cristina Engel e Lucia Ortiz, da Organização Não-Governamental Amigos da Terra Brasil, analisando o impacto da construção das hidrelétricas no Rio Uruguai, tema da IHU On-Line da semana passada, completa a edição.

A todas e todos um bom feriado, uma ótima leitura e uma excelente semana!

Últimas edições

  • Edição 546

    Diálogo interconvicções. A multiplicidade no pano da vida

    Ver edição
  • Edição 545

    Cultura Pop. Na dobra do óbvio, a emergência de um mundo complexo

    Ver edição
  • Edição 544

    Revolução 4.0. Novas fronteiras para a vida e a educação

    Ver edição