Edição 542 | 30 Setembro 2019

Retrovisor

close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

Vilém Flusser: Um comunicólogo transdisciplinar

Edição 399 – Ano XII – 20-8-2012

 

A vida e obra do filósofo e teórico da mídia Vilém Flusser são descritas, comentadas e analisadas nessa edição da IHU On-Line. E dois textos dele, inéditos, são publicados. Indisciplinado e polêmico, Flusser não foi nada tradicional, academicamente falando. “Seu discurso não era um que a academia aceitasse com facilidade, porque ele dava saltos entre diversas formas de conhecimento; não era um pensamento sempre lógica e rigorosamente estruturado”, avalia o professor da Universidade Estadual do Rio de Janeiro – UERJ, Erick Felinto de Oliveira.

Arqueologia da mídia. Um passado presente

Edição 375 – Ano XI – 3-10-2011

 

“Não aceitamos a ideia de que a mídia tenha sido inventada no século XIX com o advento da fotografia, telefonia e cinematografia, ou seja, que a mídia seja resultado da industrialização”. Assim o pesquisador alemão Siegfried Zielinski compreende a arqueologia da mídia, conceito por ele criado e que inspira o debate da IHU On-Line dessa semana.

Midiatização. Um modo de ser em rede comunicacional

Edição 289 – Ano IX – 13-4-2009

 

O complexo processo da midiatização da sociedade é o tema ao qual diversos estudiosos têm se dedicado nos últimos dez anos. Nesta edição da revista IHU On-Line, Pedro Gilberto Gomes, José Luiz Braga, Antonio Fausto Neto e Jairo Ferreira, pesquisadores do Programa de Pós-Graduação em Comunicação da Unisinos, ajudam a compreender o fenômeno.

Últimas edições

  • Edição 544

    Revolução 4.0. Novas fronteiras para a vida e a educação

    Ver edição
  • Edição 543

    Ontologias Anarquistas. Um pensamento para além do cânone

    Ver edição
  • Edição 542

    Vilém Flusser. A possibilidade de novos humanismos

    Ver edição