Edição 525 | 30 Julho 2018

Destaques On-Line

close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

Confira algumas entrevistas publicadas no sítio do Instituto Humanitas Unisinos - IHU nas últimas semanas.


A pauta do Brasil é rediscutir o Estado brasileiro
“No Brasil nós nunca tivemos uma noção muito clara do papel do Estado.”

Rudá Ricci, graduado em Ciências Sociais, mestre em Ciência Política e doutor em Ciências Sociais. Disponível em https://bit.ly/2uQNMzV. Segunda parte da entrevista: 


*****
Caravana Semiárido Contra a Fome denuncia iminência da volta do Brasil ao Mapa da Fome
“Houve cortes nos investimentos para ações que garantem a segurança alimentar e nutricional das populações.”

Cícero Felix dos Santos, técnico em Agropecuária, participa da Articulação Popular São Francisco Vivo - APSFV.


****

Plano Safra não é sinônimo de política agrícola
“Os produtores orgânicos não poderão trabalhar mais com produção própria de nada.”

Rogério Dias, engenheiro agrônomo e vice-presidente da região Centro-Oeste da Associação Brasileira de Agroecologia.


****
Pressão pró-desmatamento e barganhas políticas comprometem metas brasileiras de emissão de gás carbônico
“Houve uma pressão e uma sinalização pró-desmatamento maior, que acabou anulando ou se sobrepondo à pressão antidesmatamento.”

Raoni Rajão, graduado em Ciência da Computação, mestre e doutor em Organização, Trabalho e Tecnologia.

*****

Agrotóxicos: Má-formação congênita e puberdade precoce, uma herança maldita do agronegócio
“Enquanto alguns produtos são rapidamente degradados no ambiente, outros possuem a capacidade de se acumular nos ecossistemas durante um longo período de tempo.”

Ada Pontes Aguiar, graduada em Medicina, especialista em Saúde da Família, mestra em Saúde Coletiva.

Últimas edições

  • Edição 526

    Sistema público e universal de saúde – Aos 30 anos, o desafio de combater o desmonte do SUS

    Ver edição
  • Edição 525

    Karl Marx, 200 anos - Entre o ambiente fabril e o mundo neural de redes e conexões

    Ver edição
  • Edição 524

    Junho de 2013 – Cinco Anos depois.Demanda de uma radicalização democrática nunca realizada

    Ver edição