Edição | 23 Abril 2018

Linha do tempo

close

FECHAR

Enviar o link deste por e-mail a um(a) amigo(a).

“A luta é o caminho eterno da vida.” Entrevista com José Pepe Mujica

Pepe Mujica está muito preocupado com o que ocorre no Brasil com seu amigo Lula e por seu impacto na região. Na conversa, não se privou de se posicionar sobre todos os assuntos.

Entrevista de Gonzalo Arias, publicada por Página/12 em 15-4-2018.

Fé evangélica abraça as urnas na América Latina

Doutrina se transformou em um ator político determinante em muitos países da região, impondo valores ultraconservadores e fazendo retroceder as liberdades, escassas em muitos lugares.

Reportagem de Talita Bedinelli, Ana Marcos e Javier La fuente, publicada por El País em 16-4-2018.


Assassinatos no campo batem novo recorde e alcançam maior número desde 2003, diz estudo da CPT

Os assassinatos decorrentes de conflitos no campo no transcurso de 2017 bateram recorde e atingiram o maior número desde 2003, com 70 mortes. Um aumento de 15% em relação ao que foi registrado em 2016.

Reportagem de Joelma Pereira, publicada por Congresso em Foco em 16-4-2018.


“Os empresários não querem a extinção do SUS, querem o SUS conveniente aos seus interesses, como de fato tem sido”

Em meio a um cenário de desmonte das políticas sociais como um todo, e às políticas de saúde especificamente, a proposta de construção de um “Novo Sistema Nacional de Saúde”, ainda mais partindo de uma entidade representativa do setor empresarial, foi vista como um ataque direto ao SUS.

Entrevista com José Sestelo concedida a André Antunes, publicada no portal EPSJV/Fiocruz em 13-4-2018.


43% das novas empresas da “lista suja” do trabalho escravo são do agronegócio

No período entre 2003 e 2014, o agronegócio foi campeão absoluto na utilização do trabalho escravo, com praticamente 80% dos trabalhadores libertados do trabalho em lavouras, plantação de cana, desmatamento e pecuária. Só esta última foi responsável por 30% dos casos.

Reportagem de Julia Dolce, publicada por Brasil de Fato em 13-4-2018.

"Deus é um problema também para os crentes". Entrevista com José Tolentino Mendonça

Vivemos numa sociedade de satisfação permanente, diz Tolentino Mendonça. Por isso, precisamos de reaprender a ter sede. O novo livro que reúne os textos das meditações feitas perante o Papa e a Cúria Romana foi posto à venda. A propósito dele, o autor de A Noite Abre os Meus Olhos diz que a espiritualidade não se pode “confundir com um conjunto de abstracções”. Crer não é “ter as soluções”, mas é “habitar o caminho, habitar a tensão, viver dentro da procura”.

Entrevista publicada por por Público, 15-04-2018.

Últimas edições

  • Edição 539

    Do ethos ao business em tempos de “Future-se”

    Ver edição
  • Edição 538

    Grande Sertão: Veredas. Travessias

    Ver edição
  • Edição 537

    A fagocitose do capital e as possibilidades de uma economia que faz viver e não mata

    Ver edição